All for Joomla All for Webmasters

Primeiramente, para vender mais e melhor é preciso gostar de lidar com o cliente e entender as necessidades dele. Não precisa nem falar da importância do bom atendimento, aquele que é educado, cordial e bem feito. Precisa criar um vínculo com o cliente e isso parte da comunicação certa. Entenda o cliente e como ele se comunica para criar este vínculo. A ideia não é copiar a forma como o cliente fala, mas acompanhar seu ritmo. Se a pessoa chega falando baixo, por exemplo, o vendedor muito expansivo pode fazê-la se sentir desconfortável.

 

O QUE É

Atendimento personalizado é uma características de atender seus clientes de uma forma que seja adequada não só à sua necessidade quanto à sua personalidade é fundamental Para conquista-lo e fideliza-lo, em vez de praticar o mesmo atendimento para todos os seus clientes, buscar entender as suas necessidades individuais e então, poder atendê-lo da melhor forma possível. Oferecer um bom atendimento aos seus clientes deixou de ser um diferencial e passou a ser uma obrigação para cada investidor.

 

1. Encontre o equilíbrio financeiro da sua empresa

Primeiro, é importante estabelecer quais são as despesas (fixas ou não) e as receitas do seu negócio. A partir daí, faça os ajustes necessários definindo um cronograma de pagamentos. É fundamental que as contas da sua empresa estejam em dia. A falta de planejamento é um dos maiores vilões do negócio.

 

O homem sempre procura a felicidade plena, definir sua natureza, e que tipo de comportamento ou estilo de vida o levaria a ser feliz. Vamos definir o que pode ser a felicidade? A felicidade é um bem estar espiritual ou paz interior.

Então, fique longe de pessoas pessimistas, mesmo que sejam tão próximas. Pessoas assim estragam o seu dia. Mas calma, não é pra fazer inimigos! Isso pode trazer problemas à sua consciência.

O poder de controlar nossas emoções está ligado ao autoconhecimento. E isso faz muita diferença no relacionamento interpessoal.

Pessoas com autocontrole são, em geral, mais bem-sucedidas no trabalho e mantêm relacionamentos interpessoais estáveis. É o que comprovam estudos do psicólogo social Roy Baumeister. Ele reconhece que, apesar da autonomia emocional ser tão importante para o convívio, durante muito tempo seus fundamentos neurobiológicos foram ignorados.