All for Joomla All for Webmasters

 

O dom de transformar uma habilidade em um negócio lucrativo não é de domínio de todo mundo, alguns têm facilidade em canalizar e levar adiante, enquanto outros não têm nem ideia de como começar. Mas deveriam ter, principalmente em tempos de crise econômica, pois uma ideia tirada do papel pode ser a ponte entre sofrer com a crise ou enfrentá-la e não sentir tantos os efeitos.

 

Pergunta difícil essa, não?

Desde a pré-escola ouvimos muito essas perguntas: O que você quer ser quando crescer? O que pretende fazer depois que se formar? Que carreira irá seguir? Essas são apenas algumas indagações que recebemos do mundo a nossa volta e raramente temos a resposta.

 

Não importa se você se esforça para uma viagem sem engarrafamento, para ter um fluxo maior de dinheiro, ou para cozinhar o seu almoço ou jantar, tão habilmente como um chefe de cozinha famoso. Quando você se sentir feliz, você vai viver uma vida com propósito e muito mais paixão. Vai fazer mais, em menos tempo. Você vai encontrar soluções criativas para os seus desafios diários. E vai se sentir agradecido e esperançoso para o que o dia lhe reserva!

 

Parece tarefa fácil, mas manter a produtividade durante o dia a dia é algo muito difícil para a grande maioria das pessoas. Isto é bastante compreensível, pois há uma enorme rede de distrações na nossa rotina, como por exemplo, aparelhos eletrônicos, poluição sonora, poluição visual, acúmulo de informações banais etc. Na verdade, sem perceber, criamos uma rotina com excesso de informações e escassez de produtividade. Mas como isso é possível?

 

Muitas realizações pessoais e profissionais podem depender exclusivamente de atitudes. Fazer os planos darem certo, depende, é claro, dos meios materiais, mas há muito mais chances de se obter sucesso na vida quando as pessoas têm atitudes mais realistas, positivas e vencedoras.

 

A escola precisa preparar o aluno para a vida, para o mercado de trabalho e para competir com os demais pelo sucesso. Para isso, é necessário dar ao aluno a possibilidade de desenvolver as competências múltiplas: trabalhar em equipe, inovar, ser criativa, enfrentar desafios e transformar o meio em que vive. E é isso tudo que o mercado procura. Por isso, ao trabalhar o empreendedorismo na escola a instituição estará cumprindo com o seu papel: preparar o estudante para o mundo. Por isso, a educação empreendedora hoje tem uma posição estratégica no campo social e econômico. Através dela, é possível estimular o desenvolvimento de competências duráveis e a possibilidade de inserção no mundo do trabalho.